sábado, 19 de maio de 2007

PQP Fu...

Gente, eu nem vou escrever nada. Só vou publicar 3 matérias que sairam no portal Terra nos últimos dias. E, numa boa, sem essa de diferebças culturais e tal. Existem coisas que não dá pra explicar, esse mundo tá parecendo filme de terror trash dos anos 80.

Texto 1 - Quarta, 16 de maio de 2007, 22h23

"A pedido de Deus", homem põe filha no microondas

As autoridades da cidade americana de Galveston, no Texas, prenderam Joshua Mauldin depois que ele confessou ter colocado sua filha de dois meses de idade no microondas. O bebê sofreu queimaduras de terceiro grau. O pai, de 19 anos, disse que apenas seguia "ordens de Deus".
O incidente aconteceu na semana passada, informa a emissora americana ABC. Mauldin deixou o condado de Bradley, no Arkansas, e foi para o Texas com sua mulher, o bebê e sua sogra.
Eles se instalaram no Seawall Boulevard Hotel. No momento do incidente, a mãe e a avó do bebê tinha saído para jantar. Depois de colocar a filha no microondas, Mauldin chamou a polícia e afirmou ter derramado uma chaleira com água fervente acidentamente na filha.
As autoridades desconfiaram dos ferimentos da criança, que não se assemelhavam a queimaduras com água quente, e pressionaram Mauldin que confessou. A polícia estima que o bebê ficou entre 10 e 20 segundos no microondas ligado.
A audiência para analisar o caso de Mauldin ainda não foi agendada. Se condenado, ele pode pegar até 99 anos de prisão.
Redação Terra
_____________________________________________________________

Texto 2 - Segunda, 14 de maio de 2007, 22h18 - Atualizada às 22h32

Japonês decapita a mãe e leva cabeça à delegacia

Um japonês de 17 anos, que levava nas mãos a cabeça da mãe, se entregou hoje numa delegacia da província de Fukushima, no norte do Japão, onde confessou aos agentes que havia matado sua progenitora, informou a agência Kyodo.
Segundo a mesma fonte, o jovem chegou a uma delegacia da localidade de Aizuwakamatsu, na citada província, por volta das 7h (hora local).
O jovem, estudante da última série do ensino médio, respondeu com tranqüilidade às perguntas feitas pela Polícia, que abriu uma investigação sobre o ocorrido, destacou a agência Kyodo.
Depois do interrogatório, policiais foram até a casa do adolescente, onde encontraram o corpo decapitado da mulher.
EFE
Agência EFE - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agência EFE S/A.
_______________________________________________________________

Texto 3 - Segunda, 14 de maio de 2007, 14h06 - Atualizada às 18h43

Chinesa mata filha de 4 anos que não sabia contar

A polícia do sul da China prendeu uma mulher depois que ela admitiu ter matado sua filha de 4 anos porque a criança não sabia contar, de acordo com reportagens da imprensa.
Investigadores levaram a mulher, identificada apenas por seu sobrenome, Du, a confessar e levaram-na sob custódia no último sábado, quatro dias depois de sua filha ter sido morta e seu corpo encontrado no lixo em uma cidade próxima, disseram o Pequim News e o Southern Metropolis Daily.
Inicialmente, Du disse à polícia que sua filha, Wang Mengyu, que viveu com os avós até o último mês, havia desaparecida enquanto faziam compras em Huizhou, na populosa província de Guangdong. O marido dela havia oferecido uma recompensa de 50 mil iuans (US$ 6,4 mil) por informações que levassem à prisão do assassino.
Du contou à polícia que bateu em sua filha até ela ficar inconsciente porque a criança não sabia contar de um a cem e que ela tentou ressuscitar a menina, disseram os jornais.
A mulher depois sufocou sua filha até a morte porque ficou preocupada com as contas exorbitantes do hospital e porque seu marido ficaria bravo com ela, acrescentaram os jornais.
Reuters
________________________________________________________

Não disse? E a gente ainda quer que o mundo se preocupe com o aquecimento global. Fala sério...

quarta-feira, 2 de maio de 2007

Pois é, não da para acertar sempre. Me dei mal.

Bom, há uma semana, quando Leverpool, Chelsea, Milane e Manchester United, fariam o primeiro jogo das semifinais da Copa dos Campeões garanti a todos que seria uma final inglesa entre Manchester e Chelsea. Até mesmo, porque durante toda a temporada européia tenho afirmado que estas equipes são as melhores do mundo. E continuo achando isso.

São os times que apresentaram o melhor futebol durante. Fizeram jogos maravilhosos, tecnicamente impecáveis, com lances individuais memoráveis e garantiram bons filmes para os amantes do “You Tube”. Crisitano Ronaldo, Ryan Giggs, Frank Lampard, Drogba e tantos outros, deram aulas de futebol inesquecíveis.

Mas esses times perderam para si mesmos. Mourinho, técnico do Chelsea, que já foi campeão quando dirigia o Porto, de Portugal, quis vencer tudo que podia este ano, pode acabar sem nada. Está fora da liga dos campeões da UEFA, pode perder a Liga Inglesa pra o Manchester e a copa da liga está em cheque.

Se fosse Brasil, ele já estaria demitido, sorte dele, que ele trabalha na Europa e lá as pessoas respeitam o trabalho dos outros. Lá, eles sabem que as pessoas são passiveis de erros. Mesmo assim, é inevitável criticar a prepotência de Mourinho, que passou 80 minutos de uma partida sem fazer uma substituição sequer. Utilizou o time titular em pelo menos 50 jogos, de 60 que disputou até o momento. Não poderia ser diferente, cansaram e acabaram perdendo.

O Manchester realmente acreditou que era o melhor do mundo, achou que o Milan seria um time complicado, mas que não seria capaz de tirar os “vermelhos” da competição. Enganaram-se profundamente. Eles e toda a imprensa mundial, inclusive os jornalistas italianos, que adoram cornetar suas equipes em competições internacionais. Deve ser daí que vem a influencia da turma do amendoim, os torcedores mais reclamões dos jogos do Palmeiras.

Pois é, não aposto em ninguém dessa vez. Milan e Leverpool, que reeditam a final de 2005, já calaram a minha boca uma vez.